Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Lesão de Ligamento

O que são os ligamentos?

  • O joelho é uma complexa estrutura. Sua estabilização é realizada pelos músculos. pela cápsula articular (já explicada no post anterior!) e pelos ligamentos;

  • Os ligamentos são constituído por tecido conjuntivo fibroso densamente organizado, formado, em sua maioria, por água e colágeno do tipo I (70-90%);

  • Os ligamentos conectam os ossos e são compostos, principalmente, pelos ligamentos colaterais (lateral e medial) e pelos cruzados (anterior e posterior).


Fonte: Drake et al, 2004


Ligamento Cruzado Anterior

  • O Ligamento Cruzado Anterior (LCA) é um dos principais ligamentos que unem o fêmur e a tíbia, não permitindo que essa desliza anteriormente ao fêmur, além de ser o responsável pela estabilidade da rotação do joelho;

  • Aproximadamente 250.000 pessoas sofrem lesão de LCA todos os anos, segundo dados americanos. (Cohen et al, 2007);

  • A lesão do LCA pode ser causada por trauma direto ou indireto e está principalmente relacionada à prática esportiva associada a parada súbita, mudança repentina do movimento e queda incorreta de um salto;










  • As lesões do LCA são mais frequentes na população jovem, entre 20 e 30 anos e parecem predominar no sexo masculino, não existindo consenso na literatura médica;

  • Quando comparados em uma mesma modalidade esportiva, as mulheres têm de duas a quatro vezes maior risco de sofrer lesão do LCA do que os homens. Isso provavelmente ocorre devido às alterações hormonais cíclicas do ciclo menstrual que levam a maior risco de lesões no início e no fim da fase folicular.

  • Em torno de 70% das lesões de LCA concomitantes a outras lesões intra-articulares, principalmente lesões de corno posterior de menisco medial e ligamentos colateral medial;

  • O diagnóstico é realizado por meio da história clínica (mecanismo de entorse e referido estalido pelo paciente no momento do trauma) e exame físico (testes de função);

  • A sintomatologia é clara e caracterizada por: dor, derrama intra-articular, limitação dos movimentos e sensação de falseio.

Teste de Lachman

Fonte: Cohen et al, 2007



Teste da Gaveta Anterior

Fonte: Cohen et al, 2007



Diagnóstico

  • O exame padrão-ouro para o diagnóstico de lesão de LCA é a Ressonância Nuclear Magnética;

Fonte: PINHEIRO, A.; SOUZA, V. C., 2015

  • A radiografia do joelho acometido deve ser solicitada para descartar fraturas por avulsão, a exemplo da Fratura de Segond ou fratura por avulsão da eminência tibial, entre outras. Na maioria das vezes, as radiografias estarão normais;

Fratura de Segond - arrancamento ósseo na

região do platô lateral

Fonte: CAMANHO, G. L.; HERNANDEZ, A. J.; 2016

  • A avaliação artrométrica instrumentalizada também pode ser utilizada para auxiliar no diagnóstico.

Avaliação artrométrica

Fonte: Cohen et al, 2007

Tratamento

  • O tratamento inicial é realizado por meio da imobilização, repouso, gelo e exercícios isométricos a fim de evitar a atrofia muscular;

  • A decisão sobre a melhor escolha terapêutica (cirúrgica ou conservadora) deverá levar em consideração a idade, sintomas de instabilidade, demanda funcional, estilo de vida e nível de prática esportiva.










  • O tratamento conservador, dependendo da demanda do paciente, associado a um programa rigoroso de reabilitação, pode trazer benefícios satisfatórios e possibilitar retomada gradual das atividades;

  • Se optado pelo tratamento cirúrgico, que apresenta prognósticos cada vez mais animadores devido ao aperfeiçoamento da técnica cirúrgica e pós-operatória, após 3-4 semanas do momento da lesão a cirurgia de reconstrução ligamentar por via artroscópica com enxerto de tendão poderá ser realizada.










  • Os enxertos do tipo autoenxerto (ligamento da patela, tendão do calcâneo, isquiotibiais - mais utilizado, quadríceps e fáscia lata) ou aloenxertos (os mesmos do autoenxerto somados ao tibial anterior).

  • As vantagens do autoenxerto incluem a menor morbidade do sítio doador (menor dor), técnicas cirúrgicas aperfeiçoadas podendo simular o comportamento do LCA nativo, menos complicações registradas, pronta disponibilidade, entre outras.

  • Quanto as suas desvantagens pontua-se o maior tempo para integração do enxerto no osso, resistência inicial da fixação e possível enfraquecimento muscular dos isquiotibiais.

Reabilitação


E NÃO SE ESQUEÇA!!! 👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼

Em caso de necessidade consulte seu ortopedista.

Boa saúde e desempenho! 😉👨🏼‍⚕️🤩👩🏾‍⚕️🤗

.

#ortopediaflorianópolis#ortopedistaflorianópolis#joelhoflorianopolis